Cristãos são atacados por extremistas

Muçulmanos reunidos para protesto contra igreja Indonésia - A polícia da Indonésia elevou o total de mortos do confronto de domingo em Ambom para sete pessoas. “Segundo nossos dados mais recentes, descobrimos que sete pessoas foram mortas e 65 sofreram ferimentos leves”, disso o inspetor geral Anton Bachrul Alam.

O inspetor disse que treze investigadores da Polícia Nacional foram enviados para a cena do crime na segunda-feira para procurar por pistas e por possíveis suspeitos. “Vamos investigar quem enviou a mensagem de celular ameaçadora em Ambom e as causas das mortes das vítimas já que alguns deles sofreram ferimentos de bala”, disse ele.

A revolta teve início por causa de um acidente de trânsito envolvendo uma motorista de moto-táxi, que morreu no caminho do hospital.

No entanto, uma mensagem de texto de celular estava circulando de que o motoqueiro havia sido atacado e morto. Essa mensagem foi passada, e foi solicitado que houvesse um choque violento, pois o homem era de uma importante família muçulmana.

Muitas das vítimas do ataque foram atingidas por pedras, mas as mortes foram resultado de ferimentos de bala, de acordo com o Dr. Ita Sabina do Hospital público Dr. M. Haulussy. A multidão também vandalizou uma série de veículos e edifícios de propriedade cristã.


Fonte: Portas Abertas | Persecution
SHARE

Sobre Luciano Max®

Quem sou? Eu sou para cada pessoa aquilo que ela acha que eu sou, mas o que para mim importa é o que eu estou a procura de ser e isso eu ainda não sou.
    Comentar com Blogger
    Comentar com Facebook

0 Comentário:

Postar um comentário